Reforma administrativa de Bolsonaro destrói serviços públicos

O governo federal prepara uma nova ofensiva para colocar em votação a reforma Administrativa, após as vitórias dos aliados de Jair Bolsonaro ( ex-PSL) nas eleições da presidência da Câmara e do Senado, Arthur Lira (Progressistas-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG), respectivamente.


É um retrocesso total nos serviços públicos e na vida do povo brasileiro.

Cadastre-se para receber notificações: E-mail: manoel.amador13@yahoo.com.br; Cel/WhatsApp: (84) 99442-5595 TRABALHO, EMPREGO, RENDA E EDUCAÇÃO.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Governo do RN vai suspender a cobrança da água e distribuir cestas básicas

Aumento da margem de empréstimo consignado para servidores do estado

Governadora do RN anuncia novos concursos: são 487 vagas